Download - OoCities

Transcript
Capítulo 16. Configurações especiais de Rede
232
4 Execute o comando slattach -s 115200 /dev/ttyS1 &. A função do slattach
é associar uma interface de rede a um dispositivo, neste caso associamos o dispositivo
/dev/ttyS1 (segunda porta serial) a interface sl0 (verifique se a interface foi criada
usando o comando ifconfig sl0. A opção -p especifica um protocolo alternativo
para o slattach, o padrão é o cslip. Outros tipos disponíveis são slip, adaptive ppp e kiss
(usado em conexões de rádio AX.25). Recomendo ver a página de manual do slattach.
5 Nesse ponto a interface está ativa, mas a nossa máquina não conhece nada sobre a rede
ou como alcançar a máquina 192.168.2.2. Como a conexão é ponto a ponto, precisamos adicionar uma rota direta para esta máquina com o comando: route add -host
192.168.2.2 sl0. Este comando diz para criar uma rota com o destino 192.168.2.2
usando a interface sl0.
6 Configure a outra máquina seguindo os passos acima, apenas invertendo os 2 endereços
IPs usados.
Pronto, agora verifique se cada uma das máquinas se comunica com a outra usando o comando
ping 192.168.2.x. Se ocorrer um erro, verifique os seguintes ítens:
• Se as velocidade e o protocolo especificado em ambos os lados do link estão iguais.
• Se já existe um processo slattach rodando em segundo plano.
• Se existe um firewall bloqueando os pacotes da nova interface
• Se o cabo Lap Link serial está em bom estado.
O número máximo de interfaces sl? depende da quantidade de portas seriais da sua máquina. Caso utilize uma placa multi serial, o número máximo de conexões de rede se torna
grande (mas isto é apenas para curiosidade, pois não compensa uma multi serial para ligar
uma quantidade grande de máquinas a baixa velocidade).
Para derrubar a conexão, basta derrubar a interface serial com o ifconfig sl0 down, dar
um kill no daemon do slattach e remover o módulo slip e cslip com o comando rmmod.
Assim sua porta serial será liberada e poderá ser usada por outros aplicativos.
16.4.1
Construindo um cabo LapLink Serial
Se você é uma pessoa que sabe mexer com eletrônica, poderá construir seu próprio cabo LapLink serial para fazer os testes desta seção. Os materiais necessários são:
• 2 - Conectores seriais DB9 fêmea
• 2 - Capas para os conectores acima.
• Fios para ligação dos conectores. Uma forma que utilizei para montar este cabo foi aproveitar um carretel de cabo SCSI aproveitando 10 metros desfiando somente 9 dos 50 fios
que acompanha o cabo (deixei um fio extra no caso de algum outro se romper).
• Ferro de solda e solda para as ligações.
• Concentração e paciência para a confecção correta dos cabos.
Este é o conector fêmea DB9 (tomada que liga na máquina) visto por trás (hora de mostrar
novamente meu talento com arte ASCII :))
-------------1 \ o o o o o / 5
6 \ o o o o / 9
----------